PESQUISAR ARTESÃO

Regimento FeneCultura

REGIMENTO FENECULTURA

PROGRAMA DE OFICINAS DE CULTURAS POPULARES
www.fenearte.com


CONSIDERAÇÕES INICIAIS

Essas normas foram regidas pelo criador e coordenador geral do projeto Fenecultura e pretende ajudar a todos os envolvidos no programa a entenderem os processos e suas participações, no entanto sempre estarão em desenvolvimento para a melhor clareza e objetividade, devendo cada participante criticar ou sugerir alterações e incrementos que julguem necessários. Para isso, participe das reuniões presenciais e discuta os pontos que ache relevante. Suas sugestões serão bem aceitas e repensadas para incremento a nosso regimento.

São Membros do Portal da Comunidade Web dos Artesãos Expositor na FENEARTE, além desses, músicos, escritores, poetas, atores, dançarinos, produtor de cinema, etc. desde que expressem a arte popular.

Nosso formato de econômia é solidária e membros de nossa comunidade devem:

  1. Cooperação: ao invés de competir, todos devem trabalhar de forma colaborativa, buscando os interesses e objetivos em comum, a união dos esforços e capacidades, a propriedade coletiva e a partilha dos resultados;

  2. Autogestão: as decisões nos empreendimentos são tomadas de forma coletiva, privilegiando as contribuições do grupo ao invés de ficarem concentradas em um indivíduo. Todos devem ter voz e voto. Os apoios externos não devem substituir nem impedir o papel dos verdadeiros sujeitos da ação, aqueles que formam os empreendimentos;

  3. Ação Econômica: sem abrir mão dos outros princípios, a economia solidária é formada por iniciativas com motivação econômica, como a produção, a comercialização, a prestação de serviços, as trocas, o crédito e o consumo;

  4. Solidariedade: a preocupação com o outro está presente de várias formas na economia solidária, como na distribuição justa dos resultados alcançados, na preocupação com o bem-estar de todos os envolvidos, nas relações com a comunidade, na atuação em movimentos sociais e populares, na busca de um meio ambiente saudável e de um desenvolvimento sustentável.

CAPÍTULO I
DA DENOMINAÇÃO, SEDE E DURAÇÃO

O Projeto FeneCultura junto com o Portal Fenearte.com (Comunidade Web dos Artesãos Expositores na FENEARTE) vem desde 2009 desenvolvendo-se, atualmente tem sua inscrição no SNIIC PR-705 EM 01/11/2017, é do tipo Economia Solidária no formato de programa de colaboração para o incentivo à criação de grupos de artistas populares educadores, com o fim de realizar oficinas de cultura temporárias e fixas de produtos culturais (artesanato, Cds de musicas populares, livros, vídeos, etc.) auto-sustentáveis, dando ainda a seus participantes suporte através da coordenação presencial e sistema online de gestão de processos.

As oficinas acontecem em três situações, em relação ao artista expositor: No evento anual com a venda de espaços aos artistas; Em eventos esporádicos em espaços de cultura com vendas de ingressos repassados aos artistas; Em espaços pedagógicos através de patrocínios.

São partes da administração do programa, representantes de Setores da Cultura, escolhido democraticamente durante as reuniões dos membros, que devem estar em mínimo de 30 para que haja votação. Os setores são; Artesanato, Música, Artes Cênicas e literatura. Artes plásticas  entende-se parte do Artesanato.

De forma inovadora, une sistema de gestão online para projetos culturais, tradição dos tabuleiros dos mascates na  comercialização de produtos, e a apresentação em loco desses trabalhos pelos próprios autores.

Foi criado é coordenado e desenvolvido pelo Agente Cultural Jorge Wanderley, SNIIC nº 28479, artista plástico, artesão, arte educador e produtor cultura, a partir do Portal www.fenearte.com, da Comunidade Web dos Artesãos Expositores na FENEARTE (essa que acontece anualmente em Olinda-PE e que é a maior feira de artesanatos da América Latina (www.fenearte.pe.gov.br) .

Atualmente tem sua base administrativa à Avenida Bernardo Vieira de Melo, 6494, Candeias, Jaboatão dos Guararapes, Pernambuco, CEP 54450-020, e base produtiva fixa à Rua Coronel Dário Ferraz de Sá, Barra de Jangada, Jaboatão dos Guararapes, Quadra 17, Bloco 26B, Térreo. podendo ainda  criar novos espaços produtivos temporários, cíclicos e, fixos  autossustentáveis em qualquer parte do Brasil, obedientes a administração central no que tange aos processos e normas estabelecidas por esse Regimento.

Reuniões podem ocorrer próximas ao centro do Recife, para comunidade de seus membros participantes. O programa terá duração por tempo indeterminado.


CAPÍTULO II
DAS FINALIDADES

Tem como finalidade buscar fortalecer as culturas locais para a valorização do cidadão e suas origens, resgatando seus saberes, criando produtos e comercializando-os como alternativa econômica sustentável.

O programa pretende promover as diversas expressões culturais populares através dos eventos e oficinas de cultura, objetivando oportunidades para a implantação de unidades produtivas fixas de cultura, em localidades no nordeste brasileiro, coerentes com o programa, para a manutenção e continuidade de seu ideal e processos, visando a valorização cultural e identitária da população local e sua auto sustentabilidade organizacional e financeira, com apoio de parcerias e participantes do programa localmente, artistas, artesãos, representantes de grupo, escolas públicas e privadas, centros comunitários, centros culturais, sindicatos, centros religiosos, empresas, restaurantes, bares, ONGs, organizações sociais e órgãos do governo.


CAPÍTULO III
DOS ENVOLVIDOS, FUNÇÕES, PROCESSOS

Participarão do Programa FeneCultura, pessoas físicas ou jurídicas, nacionais ou estrangeiras, sem qualquer discriminação de sexo, raça, religião, credo político, entre outros; que concordem com os objetivos e normas estabelecidas no programa, e desejem contribuir para a consolidação desses objetivos.

Os participantes são artesãos expositores na FENEARTE, e não expositores da área de música, artes cênicas, literatura, poesia, que expressem sua cultura popular.

Dentro do programa, os envolvidos são denominados conforme suas funções e seus processos, são esses: COORDENADOR DO PROGRAMA, REPRESENTANTES DE SETOR CULTURAL, ARTESÃOS EXPOSITORES NA FENEARTE, OUTROS ARTISTAS DA CULTURA POPULAR, REPRESENTANTES DE GRUPO DE ARTISTAS, MONTADORES DE ESTRUTURA, ESPAÇOS DE EVENTO, PATROCINADORES e ALUNOS/ESPECTADORES.

Com exceção dos MONTADORES DE ESTRUTURA, ESPAÇOS DE CULTURA, PATROCINADORES e ALUNOS/ESPECTADORES, todos devem  ser cadastrados antecipadamente no sistema gestor de processos integrados no Portal Fenearte.com, para que haja interação e troca de informações e relatórios de rotinas.


COORDENADOR DO PROGRAMA:

Junto com equipe de desenvolvimento do sistema e colaboradores, tem a função de relacionar-se e presta atendimento online gerais, administra o Portal, recebe dados gerais organiza-os e os disponibiliza, elabora publicações digitais e impressas gerais, acompanha as atividades gerais do programa, cuida da contabilidade e finanças gerais a partir das informações dos representantes de grupos, , disponibiliza resultados online aos envolvidos em cada ação do programa.

Deve manter-se conectado e online todo o tempo com os participantes para demandar respostas às suas necessidades. Responsabiliza-se em atualizar no portal todas informações recebidas diariamente ou semanalmente. Assinará como empresa nos assuntos do programa, quando necessário.


REPRESENTANTES DE SETOR CULTURAL: São eleitos democraticamente, a cada ano, durante as reuniões mensais, podendo ser reeleitos, por voto simples com a presença de ao menos 30 membros do programa/portal, devem ser membro do Portal. Representam o Artesanato, Artes Cênicas, Música e Literatura. Tem a função de promover cadastros de artistas e representantes de artistas populares no sistema, elaborando a programação de apresentação dos participantes nos eventos, junto a coordenação.


REPRESENTANTESDE GRUPO DE ARTISTAS Devem publicar e estimular a inserção de eventos de seus representados dentro do Portal Fenearte.com, e junto com a coordenação organizar as apresentações de seu grupo nos eventos. Quando publicados os eventos terão obrigatoriamente a citação de seus autores.

Os representantes de grupo podem indicar patrocinadores para que constem nas barras dos tabuleiros dos artistas do grupo, desde que dentro dos padrões e formatos pré-estabelecidos do programa, assim como dentro da valor pré-estabelecido pelo programa referente aos espaços. os mesmos devem fornecer apenas o material para a edição da midia a ser impressa e arcar com custos de impressão, conforme descrito no regimento do programa.

Em contrapartida devem atuar indicando para cadastro outros representantes e artistas, auxiliar seu grupo na escolha de suas apresentações, juntamente com o apoio da coordenação.

Deve também (obrigatoriamente) fazer a cobertura fotográfica, textual e midiática de seu grupo e publicar em EVENTOS no porta.


MONTADORES DE ESTRUTURA:  São os responsáveis pela montagem das estruturas nos eventos. Os tabuleiros devem ser responsabilidade de cada artista expositor.


ARTESÃOS EXPOSITORES NA FENEARTE, E OUTROS ARTISTAS DA CULTURA POPULAR (Apresentadores) Apenas artesãos expositores em uma das edições da FENEARTE poderão cadastrar-se no Portal da Comunidade Web dos Artesãos Expositores na FENEARTE, e outros artistas da cultura popular (não artesão) do setores música, artes cênicas e literatura. A página desse membro no Portal deve estar ativa com suas informações e ao menos uma imagem sua exercendo sua atividade Os participantes do programa concordam em ter seus nomes citados nas paginas do Portal Renearte.com e do programa Fenecultura, assim como em impressos e outros meios de mídias. Sempre no sentido de torná-lo mais visível e promovê-lo.

São artistas que optaram por participar do programa de oficina de culturas populares e que são selecionados para eventos do programa, são responsáveis pelas oficinas/eventos e que tem comprovadamente aptidão para executar essa oficina dentro do formato estabelecido no programa. Deve concordar com esse regimento e prezar pela qualidade de sua participação, responsabiliza-se pelo bom material e condições de suas oficinas, assim como o zelo pelos tabuleiros. É responsável por seu material publicitário particular, cartões e folhetos, durante os eventos que participam, prezar pela boa imagem do programa e cumprir horários e datas acordadas. Colaborar para o bom funcionamento do programa e conservar o bom relacionamento social.

Todos artesãos convidados terão disponível o Tabuleiro Padrão do programa, e o chão disponível.

Os eventos, são por padrão a apresentação (opcional) de cada artesão dentro da programação do evento específico, onde os mesmos deverão falar sobre a influência de sua cultura em seu trabalho, materiais usados, etc.… Durante todo o evento os mesmos deverão estar com seus TABULEIROS armados e com os produtos de seu trabalho já alocados sobre o tabuleiro, artesanatos, CDs, Livros, Cordéis, Folders.... Não é permitido encobrir a visibilidade das barras dos tabuleiros. No momento de sua apresentação, o titular deve estar imediatamente disponível para cumprir sua parte no cronograma. A apresentação de cada participante é opcional, apesar de ser importante, e pode durar entre 10 e 40 minutos dentro de uma programação ordenada pela coordenação junto aos representantes dos setores culturais. No palco improvisado deve haver uma boa iluminação e haverá um interlocutor.


ESPAÇOS de EVENTOS: São espaços disponíveis para oficinas de cultura dentro do programa, podem ser unidades produtivas fixas, cíclicas ou temporárias, escolas, campus, academias, centros culturais diversos, restaurantes, bares, cafés ou mesmo uma sala ou espaço reservado dentro de uma empresa.

O espaço deve ser organizado conforme distribuição dos Tabuleiros definido pela coordenação junto aos representantes de grupo e de setores de cultura, e dentro dos padrões do Regimento.

Todos deve comprometer-se com horários e datas acordadas, caso contrário todo prejuízo ocasionado por esse ocorrido lhe será responsabilizado, devendo arcar com o pagamento desse prejuízo a quem o teve por sua causa. Deve ainda indicar um substituto para lhe represente em sua ausência.

Muitas vezes o próprio espaço é o patrocinador e participante do programa no no espaço, e nesse caso deve exercer suas funções de acordo com cada instância.

A comercialização da produção advinda dos eventos são feitos pelos próprios artistas ou auxiliares, mas nas unidades de produção fixas toda a comercialização deve ser acordada diretamente e antecipadamente por escrito entre os artistas e o responsável pelo espaço. A coordenação poderá participar desse planejamento.


UNIDADES PRODUTIVAS FIXAS: São oficinas fixas estabelecidas por membros da comunidade web dos artesãos expositores na FENEARTE dentro do Programa FeneCultura. Tem sua características na produção de cultura popular, na disponibilidade para dar cursos e trabalhar na produção artesanal em equipe, a partir de solicitação direta e antecipada como representante ou proprietário do espaço. São cadastradas e exibidas no Portal Fenearte.com.


PATROCINADORES: São todos aqueles que investem no programa, seja no âmbito geral ou direcionado para uma oficina/evento específico. Podem patrocinar impressos, ingressos e tudo mais que esteja relacionado ao evento ou programa de forma geral. Podem patrocinar o programa como um todo, junto a coordenação geral, ou apenas um ou mais grupos, acordando direto com o representante do grupo. TODAS AS MÍDIAS OBRIGATORIAMENTE DEVEM CONTER O SELO DO PROGRAMA E SER AVALIADA PELO PROGRAMA ANTES DE SUA PUBLICAÇÃO.

Receberão sempre, em contrapartida, a divulgação de seu nome no portal, nas saias dos Tabuleiros e nas mídias dos projeto ao qual patrocinou.


ALUNOS E ESPECTADORES: São os beneficiados final pelos eventos do programa, alunos, escolares, aprendizes, cursistas e espectadores com entrada franca nos eventos, ou que pagam individualmente para assistir, ou inda que são patrocinados, seja por entidades governamentais ou particulares.


TABULEIROS, PALCO e TAXA (Homenagem aos Mascates): Os Tabuleiros são os suportes para apresentação do trabalho dos artistas e seus produtos culturais populares, assim como artesanatos, cds, livros, broches, folhetos, camisetas ou outro produto culturais ou publicitários do produto cultural, e serão a base para cada artista/participante, representa a presença do mesmo no espaço. É do tipo “Sanfona”, todo dobrável, 1 x 1 x 1 metro, em madeira. Além dos Tabuleiros haverá um espaço comum delimitado por uma lona círcular no chão, chamado PALCO, onde os artistas expositores devem apresentar-se.


CAPÍTULO IV
METODOLOGIA

Feira de produtos culturais populares, com apresentação cultural, conotação educativa e valorizadora da cultura popular regional, um formato diferenciado, instigante, promovedor.

Desde a seleção de seus participantes o projeto foca no sentido didático da apresentação cultural, apoia e orienta nesse sentido e viabiliza a realização desses eventos, seja numa escola ou num restaurante, por exemplo.

O artista dispõe seus trabalhos sobre o tabuleiro, comercializa e (opcionalmente vai ao palco apresentar-se, conforme programação pré estabelecida, mostrar suas origens culturais, valorizar sua cultura, sua influencia, seu trabalho. O público assiste a uma performance natural, autêntica e organizada, tanto vê e compra a peça cultural como tem intimidade com ela, conhecendo seu produtor.

Haverá um interlocutor e um palco improvisado circular de lona, cada participante poderá utilizar seus apetrechos, contanto que se responsabilize por sua montagem desmontagem e transporte. Não será permitido armazenagem de móveis ou objetos nos espaços, salvo exceções.  


CAPÍTULO V
FINANCEIRO

Toda a parte financeira se baseia na aquisição dos TABULEIROS, nos espaços e nas publicidades dos patrocinadores. Em alguns casos poderão ser cobrados ingressos, e se distribui da seguinte forma:

ENTRADA FRANCA

  • Por padrão a entrada ao evento é gratuita, as vias de receitas se darão através da arrecadação, pela administração do programa, da venda antecipada dos TABULEIRO (a preço próximo ao de custo)e do aluguel diário do CHÃO pagos pelo participante, além dos patrocínios, que podem ser da parte dos representantes de grupos de artistas ou da coordenação do programa .

  • A diária do espaço equivalente a 5% do salário mínimo, a ser pago antecipadamente e independentemente da aquisição dos tabuleiros. Quando o artista já possuir tabuleiro, pagará apenas a diária do espaço.

  • Toda a venda do artesão lhe cabe integralmente, e 50% desses valores arrecadados irão para o fundo da comunidade a fim de subsidiar a fabricação de mais tabuleiros, sua manutenção e instalações do próximo evento anual.

  • Espaços correlacionados que se beneficiem com o evento, serão convidados a colaborar com o evento de forma a inserir-se no sistema IDesconto do programa, onde dessa forma terá sua marca listada em nosso Portal e em contrapartida oferecerá desconto de 5% a nossos usuários do Cartão IDesconto.

  • Por padrão cabe aos representantes de grupos de artistas 25% do valor pago pelos Artesãos Expositores/Apresentadores aprovados pelo programa e ainda seu tabuleiro gratuitamente (não pode ser negociado), desde que sejam cadastrados através da conta do representante e que o mesmo os dê assistência com informações.

  • A Coordenação cabe 25% para despesas administrativas, manutenção do sistema, equipe de edição, etc .

  • Essas informações financeiras estarão disponíveis aos membros via relatório trimestral por e-mail.

  • Os representantes de grupo devem utilizar o espaço da barra dos tabuleiros para publicar seus patrocinadores, de acordo com padrões do programa, que formatará  as mídias.

  • Quando o representante não cumprir a entrega das mídias a serem alocadas no espaço de publicidade no evento, dentro da data limite, esse espaço será disponibilizado a patrocinadores da coordenação do evento, que terá direito sobre a negociação desse patrocínio.  

  • Todos processos do evento tem a participação da Coordenação do Programa. Todos valores referentes a patrocínios que não sejam dos grupos, serão de direito da coordenação do evento, sendo que abatido 50% para o fundo da comunidade. Os anúncios no Portal, fora de EVENTOS, são de direito integral da administração deste.  

  • Os Espaços que acolherem o evento, serão convidados a inserir-se no sistema IDesconto do programa, onde dessa forma terá sua marca em destaque no Portal em contrapartida que oferecerá desconto de 5% a nossos usuários do Cartão IDesconto.



ENTRADA PAGA


Acontecem esporadicamente em espaços de cultura com vendas de ingressos repassados aos artistas, ou em espaços pedagógicos através de patrocínios.



Cartão IDesconto

É um sistema dentro do programa Fenecultura que facilita acessos aos eventos e dá descontos na aquisição de produtos oferecidos nos espaços culturais inscritos no sistema IDesconto, opcionalmente também nos produtos artesanais, quando da vontade de seus autores.

O Cartão IDesconto só será válido nos locais pré-inscritos no sistema e mediante a apresentação no momento da compra, feita unicamente pelo proprietário do cartão, identificado instantaneamente através de seu QrCode. Não será válido se estiver inativo no sistema, ou que não apresente o cartão no ato da compra/pagamento.

Nos locais pré-inscritos no sistema devem constar em evidencia a adesão, e também serão listados em destaque no Portal. Esses locais se comprometem a oferecer 5% de desconto sobre todos seus produtos, ou quando houver exceção, devem ser claramente informados. Esse sistema, além do destaque no Portal, estimula a volta desses visitantes ao seu estabelecimento.

No portal será destacada páginas de estabelecimentos aderidos ao sistema, onde visitantes com Cartão IDesconto* poderão visualizá-la e encontrar informações sugestivas para que visite o estabelecimento. A página é editável pelo responsável do estabelecimento no sistema diretamente no Portal e estará ativa junto com o sistema até que o mesmo seja encerrado pelo estabelecimento ou pela coordenação do programa, no caso de infrações.

A adesão ao sistema pelo estabelecimento terá uma taxa de R$ 30,00 reais, referente a instalação da página, e ficará ativa por 1 ano.

Para obter o Cartão IDesconto e ter direito a descontos nesses estabelecimentos e eventos, basta que o interessado Entre no Portal e faça seu registro para criar sua conta de visitante, um link lhe será enviado para que confirme a impressão e envio do Cartão IDesconto, que será confeccionado em PVC rígido e terá uma imagem Qr Code de identificação deste usuário. Terá um custo mínimo para cobrir esse material e envio. O prazo para recebimento do cartão é de 7 dias da confirmação do pagamento e fica ativo por 12 meses, estando em dias com pagamento mensal de taxa mínima.


ATRIBUIÇÃO DO PORTAL

Receitas geradas por publicidades, Suporte de páginas e Cartão IDesconto no Portal Fenearte.com, serão de direito excluso da administração do mesmo, que subsidia o sistema online e coordena o programa FeneCultura. no caso de anúncios pagos com páginas, o Portal converterá 30% dos valores totais ao fundo da comunidade para construção e manutenção de novos tabuleiros.


CAPÍTULO VI
DOS DIREITOS DEVERES GERAIS

Todos os cadastrados com páginas no Fenearte.com serão chamados de membros do Portal da Comunidade Web dos Artesãos Expositores na FENEARTE e apenas esses poderão participar do evento Fenecultura, como expositor.

Respeitar o regimento do programa, assim como preservar a boa imagem sua e do programa, cumprir datas e horários acordados.

O programa é do tipo colaborativo e voluntariado e os participantes não têm obrigações legais com ele, exceto no que se propôs conforme função e serviços acordados, e no respeito a esse regimento.

Deve cooperar pelo bom funcionamento dos processos do programa, pela boa qualidade e pela veracidade das informações prestadas.

Comunicar a coordenação do programa toda e qualquer participação em que o programa esteja envolvido, direto ou indiretamente.

O membro que não cumprir as diretrizes do programa, poderá ser excluído do programa.

Apenas a coordenação geral poderá excluir um participante, conforme queira, e sem necessidade de justificativa. Qualquer participante pode sugerir a exclusão de outro tendo uma justificativa contundente.

Qualquer participante do programa poderá se excluir a qualquer momento sem necessidade de justificativa, desde que não contenha compromissos firmados e ou pendências e débitos.

A empresa e coordenação do programa não podem responder subsidiariamente por qualquer compromisso que os participantes do programa contraírem em nome dela ou do programa.

A administração compromete-se a fazer um bom trabalho, com clareza e objetividade. E ainda auxiliar e colaborar com os demais participantes do programa no que se refere ao bom andamento do programa.


CAPÍTULO VII
DA COORDENAÇÃO GERAL

Apesar desse programa ser do tipo Economia Solidária, ele foi desenvolvido por um agente cultural, que poderá agir como empresa, em casos que exijam apresentação de CNPJ. Na prática, o programa tem uma visão diferenciada, justa, voluntariada e colaborativa, acreditando na prosperidade econômica e comum de seus envolvidos, sem ter que ocorrer em práticas ilícitas ou danosas, sem competição desleal. Olhemos juntos para a frente, para o futuro, para o que gostamos de fazer, para o que faz bem para nós e pros outros.

Portanto o criador desse sistema e coordenador geral do programa é o representante legal da empresa com seu mesmo nome JORGE WANDERLEY, CNPJ: 19.184.432/0001-28, apenas para o que se refere a participações em contratos feitos dentro da lei e único e exclusivamente com a assinatura de seu proprietário, o qual redige esse regimento e vos comunica.

O Portal da Comunidade Web dos Artesãos Expositores na FENEARTE será nossa principal ferramenta de informações e mesmo nos processos de trabalho, nele serão sempre publicadas as ações do programa, além de ser um canal de informações sobre a FENEARTE, relacionamento, acompanhamento de processos, publicações e publicidade.

Apesar de não haver nenhum vínculo comercial ou jurídico entre a empresa JORGE WANDERLEY e os demais participantes do programa, será prezado esse regimento a quem queira participar do programa, para que então a coordenação do programa possa reconhecê-lo como participante.

Até que seja oficialmente declarado contrário, todos os participantes do programa são autônomos (as), mas se comprometem com seu regimento, caso contrário correrá o risco de ser expulso e não mais utilizar-se do nome do programa, do sistema e do apoio dados pela coordenação através desse mesmo programa, e nesse caso a coordenação não tem compromisso algum em justificar essa decisão e nem obrigatoriedade de tornar a receber o mesmo ou qualquer outro solicitante que não queira.

A coordenação geral tem por compromisso a preservação e regulamentação do regimento do programa e de sua manutenção ideológica, relacional e financeira.


CAPÍTULO VIII
DA ALTERAÇÃO DO REGIMENTO DO PROGRAMA

O regimento do programa de oficinas aqui dispostas poderão sofrer alterações pelo Coordenador Geral, com intuito de melhor os objetivos, tornar claro, e sanar eventuais falhas e ausências.


CAPÍTULO IX
DO FIM DO PROGRAMA

Esse programa é de tempo indeterminado e condicionado ao desenvolvimento, colaboração e sustentabilidade de seus processos e pessoal. Por isso, ou por outros motivos pode ter seu fim quando inevitável ou mesmo por outros motivos inerentes e próprio de seu idealizador.


CAPÍTULO X
DAS DISPOSIÇÕES FINAIS

O Programa de Oficinas de Culturais Populares, denomina-se FeneCultura e é subsidiado pelo Portal da Comunidade Web dos Artesãos Expositores na FENEARTE, o Fenearte.com.

O Projeto FeneCultura envolve esse programa e os eventuais projetos que surjam a partir dele, seja direta ou indiretamente a partir de outros representantes de grupo, dentro do programa, sem com isso possuir os méritos e responsabilidade inerentes a seus autores, os quais serão sempre citados quando em qualquer apresentação de seu trabalho.


A Coordenação
Jorge Wanderley